Sem categoria,

O amor mau.

escravo-do-dinheiro-amor-ao-dinheiro-raiz-de-todos-os-males-ilusc3a3o-das-riquezas-ganc3a2ncia-riquezas

Existe amor mau?

O principal ensinamento de Jesus aos seus seguidores foi que se deve amar as outras pessoas e buscar trata-las como gostaríamos de ser tratados. Enfim, é aquela estória de não retribuir o mal recebido, perdoar ofensas e, agindo assim, o que ONGs, governos e igrejas tentam fazer é implantar a paz na sociedade, ou nas palavras de Jesus: implantar o reino de Deus na terra.

Jesus foi o grande defensor da tolerância com as minorias e da paz entre as nações. Discurso cada dia mais na moda, hoje defendido até por outros atores, além dos religiosos.

Mas tem um tipo de amor que Jesus disse ser extremamente danoso. Um tipo de amor que ele afirmou ser a gênese do mal e a semente da discórdia. Um tipo de amor que não promove a paz, mas traz injustiça social e morte.

Jesus disse o seguinte: “Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podem servir a Deus e ao dinheiro.” (Mateus 6:24)
Paulo resumiu este conceito com a seguinte frase: “O amor ao dinheiro é a raiz de todos os males”. (1 Timóteo 6:10)

Todos os males que temos visto nas sociedades, toda injustiça social, toda arrogância, ganancia e atitudes que promovem a morte estão ligadas ao amor ao dinheiro.

Ganância!

Por amor ao dinheiro derrubam-se florestas.
Por amor ao dinheiro derrubam-se casinhas e levantam-se espigões.
Por amor ao dinheiro derrubam-se políticos honestos.
Por amo ao dinheiro derruba-se o Evangelho da Graça , que prega perdão compulsório e salvação de graça e levantam-se heresias que sustentam a ganancia de alguns lideres religiosos, que, por amor ao dinheiro, pregam que só se recebe coisas de deus quem dá alguma grana em troca para a instituição religiosa.

Por amor ao dinheiro alguns perdem amigos, perdem familiares, perdem a saúde, perdem a juventude, perdem a dignidade e ganham uma conta corrente obesa e uma velhice solitária.

Por amor ao dinheiro mata-se… Matam-se sonhos alheios e a própria dignidade… É um amor… Mau…

Dinheiro pode não ser problema, mas sim a solução para alguns problemas.
Dinheiro não é necessariamente ruim.
A Bíblia não diz que o dinheiro faz mal e nem é o mal, mas entenda, ela diz que o que faz mal é o amor ao dinheiro, ou seja, o problema não é tê-lo, mas amá-lo e convertê-lo a ídolo. Um deus. Uma razão existencial!

O dinheiro pode dar vida digna aos pobres. Isto é errado?
Entretanto, o amor ao dinheiro pode dar vida indigna aos ricos…
Como já foi dito: tem gente que é tão pobre, mas tão pobre, que a única coisa que realmente possuem é muito dinheiro…

Tem gente tão focada na grana e na incessante busca por conquistas materiais que até deixam de viver o dia , de curtir a família… Correm e correm e quando vem, a vida passou, a juventude esvaiu-se e relacionamentos se esfacelaram por falta de cuidado e atenção.

Depois, talvez com uma aposentadoria até gorda, tenta-se, em vão, comprar o amor e o tempo perdidos…

Avalie constantemente suas motivações pessoais e profissionais. Analise sempre o que é que te move e cuide para que o seu amor seja dedicado às pessoas, e não às coisas…

“Se andarmos na luz, como Ele esta na luz, mantemos comunhão uns com os outros. Não amem ao mundo nem as coisas que estão no mundo. Se alguém amar as coisas deste mundo, o amor de Deus não está nesta pessoa” (1 João 1:7)

Lembre-se: as coisas mais importantes que tem na sua casa, são as pessoas…

Luciano Maia

0

writer

The author didnt add any Information to his profile yet